Adaptar mind set é vital para sobreviver na era digital

Adaptar mind set é vital para sobreviver na era digital

Empresas precisam se adequar às novas tendências para vencerem concorrentes
Vivemos numa era em que a tecnologia faz parte da nossa vida pessoal e das nossas relações profissionais. Independentemente da geração, somos obrigados a nos reinventar sempre, em todos os aspectos. Não é diferente para as empresas. Somente aquelas que conseguirem se adequar às novas tendências, evoluindo constantemente e adaptando o mind set organizacional vão se destacar diante das outras.
Houve uma importante e brusca revolução de modo de vida da humanidade. “Diante desse turbilhão, é cada vez mais importante que o mundo corporativo seja capaz de se adaptar com rapidez, flexibilidade e assertividade. Não importa o mercado de atuação”, afirma Bárbara Nogueira, diretora e headhunter da Prime Talent, empresa de busca e seleção de executivos de média e alta gestão que atua em todos os setores da economia na América Latina.
Existem algumas tendências fortes que traduzem as mudanças de mind set que estão ocorrendo dentro do mundo corporativo na era digital:
  • As pessoas buscam por maior flexibilidade no trabalho, sem vincular necessariamente o resultado as horas trabalhadas;
  • As corporações querem mais praticidade e menos burocracia. Além disso, as estruturas horizontalizada e menos hierarquizadas estão sendo vistas como mais atrativas para se trabalhar;
  • Os profissionais estão dando mais valor a posições e atividades que demandam mais criatividade e que desafiem a sua capacidade intelectual;
  • As pessoas estão muito mais ligadas aos seus propósitos e ideais do que antes. Por isso, buscam trabalhar em empresas idôneas e referências no mercado que atuam, aderentes ao seu jeito de ser e que praticam valores semelhantes aos delas;
  • Como a tecnologia já tomou um espaço enorme nas empresas, auxiliando e tornando os processos mais inteligentes, fáceis e ágeis, as pessoas anseiam por empresas que estão à frente quanto às práticas tecnológicas;
  • A inovação é cada vez mais importante nas organizações, que precisam de pessoas pensando e criando novas estratégias e soluções, buscando a conexão com o presente e com o futuro dos negócios, o que a máquina nunca fará sozinha;
  • O equilíbrio entre vida pessoal e profissional está cada vez mais em destaque;
  • As pessoas não se preocupam mais em construir uma longa carreira em uma companhia, pois são movidas por desafios e metas interessantes;
  • Maior foco em sustentabilidade corporativa, desenvolvimento sustentável e consumo responsável.
Fato é que, independentemente da idade ou da área que uma pessoa atua, do setor e do tamanho de uma empresa, todas as pessoas e organizações devem buscar desenvolver mind set digital, reconfigurando as suas mentalidades à nova realidade. Não é um futuro próximo: é presente, é agora.
-----------------------------
*Bárbara Nogueira é diretora, career advisor e headhunter da Prime Talent – empresa de busca e seleção de executivos de média e alta gestão, que atua em todos os setores da economia na América Latina, com escritórios em São Paulo e Belo Horizonte. Ao longo de sua carreira, já avaliou mais de 2 mil executivos de alta gestão, selecionando para clientes em toda LatAm. É formada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG) e pós-graduada em Gestão de Negócios pela Fundação Dom Cabral (FDC). Possui formação no curso de Desenvolvimento de Conselheiros da Fundação Dom Cabral (FDC), Certificação de Executive Coach pela International Association of Coaching e é practitioner em Micro Expressões e especialização em análise de perfil comportamental DISC. Bárbara Nogueira tem vivência internacional na Inglaterra e nos Estados Unidos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.