Subsecretário de Grandes Eventos criou agenda especial para 
acompanhar de perto os blocos da cidade
Foto: Divulgação/Assessoria

Já é carnaval por toda a cidade  e o fim de semana vai movimentar  as ruas do Rio de Janeiro com os desfiles de blocos em todas as regiões . Acompanhando de perto o roteiro dos cortejos, Ruan Lira, que atualmente é o titular da pasta de Grandes Eventos do Estado, vem  fazendo questão de visitar a folia de rua acompanhando de perto os blocos e a quantas anda a organização da festa. Folião de carteirinha, Ruan já marcou presença na Banda Amigos da Barra, além de prestigiar eventos de escolas de samba e pretende, seguir no próximo fim de semana, com a agenda de incursões.
Foto: Divulgação/Assessoria

“Sempre gostei de carnaval e, a partir do momento que recebi a missão de fazer crescer esta, que é a nossa maior e mais importante festa , a responsabilidade aumentou.  O Carnaval é a identidade do carioca, e eu, como bom filho do Rio de Janeiro, me identifico demais. Hoje, a visita aos blocos é do folião, mas com olhos no que podemos fazer para melhorar ainda mais a estrutura para quem vem se divertir”, disse o Subsecretário na Banda dos Amigos da Barra.

Foto: Divulgação/Assessoria


Engajado, Ruan participou no último fim de semana,  da eleição da Musa dos Blocos da Barra da Tijuca e Recreio, evento que contou com a presença de personalidades do Carnaval como Selminha Sorriso e Haroldo Costa. Com ambos, ele trocou ideias pertinentes, as quais pretende debater mais a fundo na intenção de melhorar ainda mais o que se refere aos desfiles da Marquês de Sapucaí.

Segundo Valéria Wright, presidente da Sambare , Liga que representa os blocos da Zona Oeste, a proximidade institucional de Ruan com o Carnaval pode render frutos com projetos ao longo do ano.

“Agradecemos todo este apoio  e o empenho que o Estado vem dando aos blocos e ao carnaval de rua. Ter uma pessoa como o Ruan que nos atende, participa, acompanha de perto todo o processo e tenta melhorar as nossas condições , principalmente as estruturais, só nos dá ainda mais ânimo para continuar lutando pelo Carnaval de Rua”, comentou Valéria.

A expectativa é que o número de foliões triplique em todo o Estado, principalmente na cidade do Rio de Janeiro, onde acontecem os desfiles das escolas de samba a partir do dia 21 de fevereiro