Alexia Bomtempo



Alexia Bomtempo

Cantora e compositora radicada em Nova York encanta imprensa internacional em novo disco "Suspiro"




Morando em Nova York há quase uma década, Alexia Bomtempo retorna às raízes da MPB e continua sua exploração pela música americana em seu quarto álbum de estúdio SUSPIRO, que saiu recentemente pelo prestigiado selo americano Ropeadope, em uma parceria LAB 344, selo boutique que lança nomes como Macy Gray, Ed Motta e Janet Jackson.

Gravado no Brooklyn, NY – com produção de Stéphane San Juan e Jake Owen, e mixado pelo lendário engenheiro Scotty Hard –, o novo álbum convida o ouvinte a embarcar em um rico repertório, que traz inéditas da cantora e de autores brasileiros contemporâneos (Domenico Lancellotti, Alberto Continentino, Fernando Temporão e Bruno di Lullo), e regravações distintas de clássicos da música brasileira e americana.

Também estão presentes no álbum o trompetista de jazz e multi-instrumentista vencedor do GRAMMY® Michael Leonhart (Steely Dan, Mark Ronson), o pianista Vitor Gonçalves (Maria Bethânia, Hermeto Pascoal), o baixista Eduardo Belo (Brad Mehldau, Cyro Baptista)  e o guitarrista Guilherme Monteiro (Gal Costa, Bebel Gilberto).

Filha de pai brasileiro e mãe americana, Alexia Bomtempo nasceu nos EUA e veio para o Brasil aos sete anos de idade. Estudou canto lírico na Plymouth State University, em New Hampshire. Em 2005,  no  Rio de Janeiro, conheceu o produtor Dadi Carvalho, que assinou seu álbum de estreia, “Astrolábio” (2010). No elogiado “I Just Happen to Be Here” (2012), Alexia recriou canções que Caetano Veloso escreveu em inglês, entre 1969 e 1972. Confira também “Chasing Storms and Stars” (2017).

 

 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem