O Poder Do Networking Dentro De Um Coworking

  O Poder Do Networking Dentro De Um Coworking 

Entre as vantagens dos espaços compartilhados, pesquisa confirma que a troca de experiência e conhecimento pode gerar novas oportunidades de negócios e parcerias a longo prazo 



(Divulgação)

 

Modelo de trabalho criado no final da década de 90, o coworking entrega a pequenas, médias e grandes empresas, diversas conveniências em um só ambiente, e elas vão de flexibilidade contratual até a possibilidade de ampliar as conexões. Essa tendência crescente no Brasil e acelerada em 2020 com a chegada da pandemia, vem se ampliando anualmente desde 2005, segundo dados do Censo Coworking Brasil, que registrou a presença de mais de mil espaços compartilhados no país, nos quais circulam cerca de 214 mil pessoas mensalmente, e 37% delas indicam uma melhora no networking profissional após trabalhar dentro de um escritório compartilhado. 

 

Os dados apontam que os relacionamentos gerados nesse ambiente de trabalho podem ser bastante proveitosos para os negócios, além de criar novas oportunidades a longo prazo. Pensando nisso, o Club Coworking, empresa brasileira de coworking, é uma das pioneiras no mercado ao estimular essas conexões por meio de um setor totalmente focado em ajudar o cliente a ampliar as fronteiras do seu negócio. “Valorizamos e incentivamos esse contato entre as pessoas, por meio do nosso Customer Success, serviço que oferta atendimento personalizado para gerar contato entre os clientes. Acreditamos que o networking vai além do fazer negócios, é uma troca de experiências e aprendizado com quem sabe o que você não sabe”, explica Patrícia Coelho, Diretora de Operações do Club Coworking.   

 

Conhecer o ramo de trabalho dos que compartilham do mesmo espaço é um grande aliado para conexões eficientes, por isso, a escolha do local aonde a empresa será instalada é tão importante. “Já sabíamos que o networking era essencial para o negócio. Mas o que nos chamou a atenção no caso do Club Coworking foi a fluidez e a naturalidade com que isso acontece. A sensação que tenho como cliente é que minha empresa está alocada em um ambiente que opera 100% para eu crescer por meio de conexões fortes e verdadeiras, formando alianças e amizades sólidas, onde a consequência natural é a alavancagem e o fortalecimento dos negócios”, comemora Mayra Fragiacomo, Managing Partner da Job Transition Consultoria em RH. 

 

Cliente da empresa de escritórios compartilhados desde 2018, a executiva celebra as constantes oportunidades de contato e a conquista de novos clientes por meio do serviço de Customer Succes. “Há um incentivo constante às trocas com os outros clientes, e como oferecemos soluções personalizadas para as empresas, essa estrutura colaborou muito para trazer oportunidades de novos negócios para nós. Pudemos oferecer nossos serviços e assessorar diversas startups que estão alocadas aqui e, assim, retroalimentamos os negócios e temos um crescimento mútuo”, completa.  

 

Dados da mesma pesquisa confirmam essa tendência, registrando que 32,7% dos entrevistados disseram que já foram contratados por alguém do espaço para realizar um projeto. Além disso, a maioria admite já ter aprendido um novo conhecimento desde que começou a frequentar esse modelo de trabalho e, 66% afirmaram não trocar o escritório compartilhado por um tradicional, mesmo que pelo mesmo custo, o que reforça a importância desse contato para as empresas que estão ali para trabalhar e como consequência podem ganhar clientes ou realizar novas parcerias a longo prazo.  

 

A pesquisa indica ainda que trabalhar em um escritório compartilhado pode ajudar mais do que se imagina nos negócios, com 32,5% dos entrevistados afirmam uma melhora na saúde, 35,9% na vida social e 41,6% na produtividade no trabalho. “Percebemos uma tendência crescente de diferentes perfis de profissionais e empresas que optam por trabalhar em coworking. Temos de empresas de tecnologia, mercado financeiro à médicos utilizando a estrutura e entendendo que este modelo compartilhado é uma forma de se relacionar com outras áreas de atuação, além é claro de economizar nas despesas com infraestrutura e não se prender a um contrato tradicional de locação”, complementa Patrícia. 

 

Privacidade e possibilidade de estar em uma localização privilegiada com custos baixos, são outros pontos de destaque que completam as vantagens de estar em um coworking, e que vem atraindo cada vez mais empresas de diferentes segmentos, que tem como foco total o crescimento do negócio e nenhuma preocupação com infraestrutura. Vale ficar atento às opções.  

 

Sobre o Club Coworking    


Fundado em 2018, o Club Coworking é uma empresa nacional de escritórios compartilhados que tem como grande diferencial o atendimento humanizado de seus clientes e um trabalho ativo de conexão e network entre as empresas ali alocadas. Com dois endereços em importantes polos de negócios na capital paulista (Avenida Paulista e Avenida Faria Lima), a empresa oferece serviços para uma rede de mais de 4.000 clientes que buscam dinamismo, eficiência e modernidade em seus ambientes profissionais.     

    

Parte do Grupo Virtual Office, presente há mais de 25 anos no segmento, o Club Coworking traz no DNA a excelência em atendimento e ambiente familiar do grupo, além de estar atento às demandas do mercado e dos novos empresários, que vão de startups de tecnologia a empresas de investimento preocupadas em se estabelecer em pontos comerciais de destaque e ampliar networking.     

    

https://clubcoworking.com.br/    @clubcoworkingbr     

https://www.facebook.com/clubcoworkingbr/     

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem