Assopoc celebra 25 anos com grandes desafios e conquistas

  Protocolo de segurança da Associação garantiu proteção contra a Covid-19 para mais de 160 idosos, mas enfrenta dificuldades financeiras em função da pandemia


  A Associação dos Protetores das Pessoas Carentes (Assopoc) comemora 25 anos de serviços prestados à sociedade, cuidando de crianças, jovens, adultos, pessoas com deficiência e idosos. Com quatro unidades em Crucilândia, região metropolitana de Belo Horizonte, atua na saúde, educação e melhoria da qualidade de vida de 490 pessoas em situação de vulnerabilidade social.

  “Durante a pandemia, adotamos o mais rígido e seguro protocolo de segurança para a proteção dos nossos idosos. Os 160 acolhidos estão em isolamento total, o que inclui, também, a nossa equipe de funcionários que se dedica integralmente aos cuidados dos assistidos”, explica Sérgio Coelho, presidente da Assopoc, que atribui a essas medidas o fato de nenhuma pessoa ter sido contaminada pela Covid-19 no período.

  Entretanto, Sérgio Coelho explica que a Assopoc passa por dificuldades financeiras para manutenção das ações sociais. “O protocolo de isolamento tem custo mensal de R$ 80 mil, o que gerou uma despesa extra de mais de R$700 mil, entre abril e dezembro de 2020. A situação se agravou já que o nosso principal evento, o Leilão Beneficente, responsável pela arrecadação de cerca de R$ 1 milhão para cobrir os custos das nossas unidades, não aconteceu em função da pandemia”, explica Sérgio. Apesar do déficit de 1 milhão e setecentos mil, os idosos continuam assegurados pela instituição, que decidiu manter o protocolo até a imunização completa dos assistidos.



Serviços e terapias oferecidos aos residentes

  Mesmo antes da pandemia, essas pessoas faziam parte do Lar dos Idosos, o que garante a Assopoc uma das maiores Instituições de Longa Permanência para Idoso (ILPI) de Minas Gerais. “A unidade conta com uma equipe técnica 24 horas por dia, sete dias por semana. Além de programas que visam a melhoria da qualidade de vida, como oficinas, sessões de hidroterapia, equoterapia, arteterapia, academia e fisioterapia. Isso proporciona a reestruturação de vínculos, autocuidado e o desenvolvimento da atividade motora”, comenta Coelho.

  O público adulto também está entre os atendidos pela Assopoc, na unidade de Residência Inclusiva. “Dispomos de uma estrutura adaptada para abrigar pessoas entre 18 e 59 anos com deficiência, em situação de dependência e vulnerabilidade social. Eles contam com equipe especializada, acolhimento integral e de programas de promoção da autonomia e protagonismo da pessoa com deficiência”, afirma o presidente da instituição.

  “A terceira unidade da Associação tem a missão de garantir o futuro de mais de 140 crianças. A creche funciona em sistema de contraturno, ou seja, atividades extracurriculares são oferecidas foras do horário das aulas, proporcionando educação para crianças entre seis meses e oito anos, em situação de vulnerabilidade social”, comenta Sérgio Coelho sobre a creche, que ganhou nova sede no ano passado, capaz de atender a 300 crianças.

   Já o Centro de Equoterapia, oferece terapia com cavalos para pessoas com deficiências atendidas por outras unidades da Assopoc, da APAE-Crucilândia e está aberta à comunidade. “O Centro vem obtendo grandes resultados na habilitação e reabilitação física e cognitiva. Além desse apoio que damos à APAE, atuamos de forma conjunta na manutenção administrativa e financeira da instituição”, finaliza Sérgio.


Doações

  Para contribuir com o trabalho que a Assopoc vem desempenhando para a melhoria da qualidade de vida de crianças, adultos e idosos ao longo de 25 anos, é possível doar através da conta de luz (Cemig) ou de água (Copasa) com o valor mensal a partir de R$ 50. A doação é por tempo indeterminado, podendo ser interrompida a qualquer momento. Mais informações através do número (31) 98855-0712, que também está disponível via whatsapp. Também é possível doar por transferência bancária, através das contas:



BANCO BRADESCO

AG: 0730

CC: 4374-5

BANCO ITAÚ

AG:3068

CC:14.344-9

SICOOB

AG:3132

CC: 3607-2

BANCO INTER

AG: 0001

CC: 65945760

ASSOCIAÇÃO DOS PROTETORES DAS PESSOAS CARENTES

CNPJ: 01.286.108/0001-55

Sérgio Coelho

  Sérgio Coelho, presidente da Assopoc desde 1995, associação na qual participou da fundação, é bacharel em Administração de Empresas e empresário. Fundou a SRM Veículos em 1986, uma das maiores revendedoras de veículos usados do país, e o Show Auto Mall. Sua participação em entidades sem fins lucrativos é vasta, foi um dos fundadores e presidente da Associação dos revendedores de veículos usados de Minas Gerais (ASSOVEMG); foi vice-presidente da Federação Nacional das Associações de revendedores de veículos automotores, sediada em São Paulo (FENAUTO); foi vice-presidente do Clube Atlético Mineiro na gestão de dois presidentes, é presidente conselheiro Grande Benemérito do Atlético; é Conselheiro da Casa Aura – Casa de Apoio a Crianças e Adolescentes com câncer, diretor do Sistema Divina Providência. Casado, pai de dois filhos, já recebeu o título de Cidadão Honorário de Belo Horizonte. 


Instagram@joaocostaooficial 



João Costa  




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem